Oh, Senhor, perdoe-me por questionar-te a ti, e a teu retroprojetor

Testemunho. Eu era do Ministério do Retroprojetor da Igreja. Quando veio o Ministério do Datashow, fiquei um pouco contundido, né. Daí eu peguei, e perguntei para Deus: “Mas, Senhor, o Senhor tinha me prometido, Senhor!”. Sim, era uma pergunta sem ponto de interrogação, porque os mistérios de Deus você não compreende?

Então Deus me respondeu na palavra: “Acaso sois vós que te beneficiares de tal retumbância? Qual é, porém, aquilo que te fazes? Ou a bênção, ou a maldição. E escolhestes a mim, não, porém ficastes com a falta de entendimento?”. Ele me respondeu com uma pergunta, né. E eu respondi: “Agora entendi, Senhor. Perdoe-me! Perdoe-me! Perdoe-me!”.

Publicado por

Sgarbe

Jornalista, produtor de mídia, fã de arte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *