O telejornalismo pode ajudar no aprimoramento da língua?

Será que elas falam direitinho? Foto: CoWomen.

A língua do jornalismo pode ser um jeito de afiar a comunicação. Embora o verbo “haver” seja comum na fala, porque serve para substituir o “ter”, é raridade quem o utiliza na forma correta quando está no plural. Os exemplos a seguir estão na forma correta: Havia três homens na casa. Havia muitas folhagens na… Continuar lendo O telejornalismo pode ajudar no aprimoramento da língua?

Jornalismo e psiquiatria: uma abordagem para comunicação

A audiência está drogada. Foto: Altin Ferreira.

Aceitei o desafio feito pela Dra. Ana Babrilla para conversar estes dois assuntos: jornalismo e psiquiatria. A comunicação política na América Latina tem se inclinado à essa interseção, por exemplo o livro que o  jornalista chileno Dr. Felipe Vergara Maldonado escreve com uma amiga europeia da psicologia. Na ocasião do “I Seminário Avançado de Comunicação… Continuar lendo Jornalismo e psiquiatria: uma abordagem para comunicação