Cadê os partidos?

Evidentemente, o problema da representação política no Brasil passa pelos partidos políticos e pelos movimentos sociais. Quando escrevo “problema” me refiro especificamente à repulsa pela vida pública e à disseminação de mentiras. Ainda evidentemente, não se pode generalizar ou olhar longe demais. Começo pela experiência que tenho: meus amigos são excelentes eleitores, engajados, curiosos, comprometidos.… Continuar lendo Cadê os partidos?

Contra Freud eurocêntrico e coaches, amar é saudável

Gosto mais da expressão “at the end of the day” em inglês do que “no fim das contas” em português. Quando o cansaço do dia bate daquele jeito, quando prefiro que o mundo termine em barranco, pergunto “at the end of the day”, o que Mariazinha leva? Meu trabalho permite que eu conheça, intermedie e… Continuar lendo Contra Freud eurocêntrico e coaches, amar é saudável

A quem serve a decisão editorial da Gazeta do Povo

Página do humorista involuntário Alexandre Garcia.

Guardo uma única mágoa contra a RPC, depois de integrar a equipe de implantação do G1 Paraná, faz mais de dez anos. Foi a primeira afiliada Globo a colocar no ar o portal de notícias, e acho que trabalhamos, sei lá, uns três meses praticamente sem folgas. De volta à mágoa. O pessoal que cuidava… Continuar lendo A quem serve a decisão editorial da Gazeta do Povo